Nosso Modelo de Crescimento

Nosso propósito por meio das células é ajudar você a crescer na fé e se tornar um discípulo e líder maduro e frutífero.

A Igreja Vitoriosa é uma igreja cristã pentecostal (cremos na manifestação dos Dons do Espirituais, cf 1 Co 12.1-11), missional em seu jeito de ser e que adota o modelo de igreja em células como estratégia de crescimento e plantação de novas igrejas.

O modelo que adotamos para o nosso crescimento, plantação de igrejas e pastoreio saudável do nosso rebanho está fundamentado em Sermos uma Igreja em muitos Lugares formada por Células

Entenda detalhadamente em que consiste este modelo.

 Somos uma Igreja em muitos lugares formada por células.

Uma igreja em células é uma comunidade de cristãos baseada em pequenos grupos, que se reúnem regularmente nas casas, locais de trabalho, escolas e outros lugares apropriados, com o objetivo de promover evangelismo, pastoreio, comunhão, oração e ensino da Palavra de Deus. Neste tipo de igreja, os grupos ou células não são uma opção entre todos os demais programas e estruturas, mas são a estrutura principal, na qual os membros devem estar inseridos como igreja.

Entendemos que a partir das células, nos tornamos uma igreja em muitos lugares e não apenas em um único lugar, edificado em um prédio [templo/sede] com várias células, mas uma Igreja “espalhada” como encontramos registrado na bíblia. Para nós, esse é o modelo bíblico de crescimento de igreja que precisa ser resgatado.

Biblicamente, conforme registrado no livro de Atos dos Apóstolos, vemos que a igreja crescia e multiplicava. Entendemos que a igreja crescia territorialmente [extensão] mediante a multiplicação de discípulos [expansão]. Ou  seja, a expansão de discípulos amplia a extensão da igreja!

A bíblia nos dá a visão que a macro Igreja de Jerusalém [extensão] era formada pelas micro igrejas que se reuniam nas casas [expansão] na cidade de Jerusalém. Tal qual a Igreja que estava em Antioquia; em Éfeso; em Corinto; em Roma; em Tessalônia; em Tiatira; em Filipos, etc., as quais eram formadas pelas igrejas [discípulos] que se reuniam nas casas.

Como base neste entendimento, iniciamos um movimento de Resgate da Identidade Bíblica da Igreja para crescimento e plantio de novas igrejas através de células, passando a ser designada como IGREJA o grupo de discípulos que se reúnem em célula em uma cidade ou bairro, estando ali presente a Igreja Vitoriosa. Somos Igreja independentemente de Templo. Uma única célula ou várias células em um mesmo bairro, é designada como Igreja em…[cidade/local]. Por exemplo: A Igreja Vitoriosa em Venda da Cruz é formada por 8 células (adultos, crianças, jovens..); A Igreja Vitoriosa no Porto Velho é formada por 1 célula (com cerca de 8 pessoas entre adultos e crianças); A  Igreja Vitoriosa no Paraíso é formada por 1 célula (com cerca de 6 pessoas entre adultos e crianças); A Igreja Vitoriosa no Centro de SG é formada 1 célula (com cerca de 8 pessoas entre adultos e jovens).

– “Saudai aos irmãos que estão em Laodicéia e a Ninfa e a igreja que está em sua casa” [Colossenses 4];

– “E a nossa amada Afia, e a Arquipo, nosso camarada, e a igreja que está em tua casa” [Filemon 1];

– “As igrejas da Ásia vos saúdam. Saúdam-vos afetuosamente no Senhor Áqüila e Priscila, com a igreja que está em sua casa” [1Coríntios 16];

– “Saudai também a igreja que está em sua casa. Saudai a Epêneto, meu amado, que é as primícias da Acáia em Cristo” [Romanos 16];

Para nós local de reuniões não é só no templo

Antes de Jesus as pessoas iam uma vez por ano até Jerusalém para oferecer sacrifícios pelos seus pecados e para adorar a Deus. Havia ali um templo dividido em 3 partes (Átrio, Santo Lugar e Santo dos Santos) que representava a presença de Deus. Havia um véu que separava o Santo dos Santos do Santo Lugar e só o sumo-sacerdote podia entra lá para oferecer sacrifício pelo povo. É comum encontrarmos na bíblia diversas associações entre Deus e o templo em expressões como “Deus está no templo”, “sua glória está no templo” e muitas outras.

Mas quando Jesus morreu, o véu do templo se rasgou de alto a baixo, iniciando uma nova aliança que não dependia mais de um lugar específico para o culto a Deus. Deus não está no templo. Todos nós podemos ter livre acesso à presença de Deus por meio de Jesus a qualquer hora e lugar.

[João 4:21-24] “Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e é necessário que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.”

Deus não está restrito a um templo edificado por mãos humanas. Ele é onipresente e podemos adorá-lo em espirito em qualquer lugar que estivermos. Existe um costume cultural de se chamar de templo o local onde a Igreja se reúne. O prédio ou salão onde a igreja se reúne não é templo, é apenas uma construção, um edifício. Ele não tem nada de santo ou sagrado e não abriga a presença de Deus. Por mais solene que seja é apenas um edifício, um local para a igreja se reunir e celebrar tudo o que Deus tem feito por nós através de Cristo Jesus.

[Atos 7:48-49] “…mas o Altíssimo não habita em templos feitos por mãos de homens, como diz o profeta: O céu é meu trono, e a terra o estrado dos meus pés.”

Local de reuniões não é Igreja

Se tornou comum chamar de Igreja o local de reuniões da Igreja. Daí surgem expressões como “vou á igreja” ou “em que igreja você vai?”, como se a igreja fosse um lugar. Esse conceito é tão forte que Igreja passou ater até endereço. Mas a igreja não é um edifício, nem um lugar. A Igreja são as pessoas. Nós não vamos à igreja, nós somos a igreja (ou parte dela).

A Igreja são as pessoas que tem Jesus Cristo como seu mestre, como seu Senhor. A Igreja é o corpo de Cristo e nós somos membros uns dos outros.

[Efésios 1:22-23] “…e sujeitou todas as coisas debaixo dos seus pés, e para ser cabeça sobre todas as coisas o deu à igreja, que é o seu corpo, o complemento daquele que cumpre tudo em todas as coisas.”

[Romanos 12:5] “…assim nós, embora muitos, somos um só corpo em Cristo, e individualmente membros uns dos outros.”

A Igreja é um conjunto de pessoas salvas e redimidas por Jesus, com compromisso umas com as outras e com Deus, e que estão envolvidas na sua cidade para testemunhar de Cristo e proclamar a sua Palavra.

 Nós somos o templo

[1 Coríntios 3:16] “Não sabeis vós que sois santuário de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós?”

[1 Coríntios 6:19] “Ou não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que habita em vós, o qual possuís da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos?”

A Igreja é formada por pessoas nas quais habita o Espírito de Deus. Assim, a Igreja é o templo de Deus. Deus habita na Igreja, nas pessoas. Onde quer que estejamos, carregamos conosco a presença de Deus!

[Efésios 2:19-22] “Assim, pois, não sois mais estrangeiros, nem forasteiros, antes sois concidadãos dos santos e membros da família de Deus, edificados sobre o fundamento dos apóstolos e dos profetas, sendo o próprio Cristo Jesus a principal pedra da esquina; no qual todo o edifício bem ajustado cresce para templo santo no Senhor, no qual também vós juntamente sois edificados para morada de Deus no Espírito.”

 A Igreja nas casas

A igreja que vemos no início do livro de Atos, formada por mais de 3.000 pessoas, não tinha salão de reuniões nem endereço, mas impactou a cidade com sua vida e se expandiu para o mundo todo. Como eles se reuniam? Como se edificavam? Onde se encontravam?

[Atos 2:44-47] “Todos os que criam estavam unidos e tinham tudo em comum. E vendiam suas propriedades e bens e os repartiam por todos, segundo a necessidade de cada um. E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam com alegria e singeleza de coração, louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E cada dia acrescentava-lhes o Senhor os que iam sendo salvos.”

A Igreja se reunia no templo e nas casas. O templo aqui não era da igreja. Era o templo dos judeus, usado para os rituais judaicos e a igreja [comunidade de discípulos de Jesus] não podia entrar nele. Mas havia ali uma área externa, de livre acesso, semelhante a uma praça publica e os irmãos se encontravam ali para orar, proclamar e se edificar. Também se reuniam nas casas, onde partiam o pão, oravam e se edificavam mutuamente.

Foi o Espírito Santo quem conduziu a Igreja para as casa, pois quando se iniciaram a perseguição a Igreja se espalhou por toda a região e quanto mais era perseguida, mais se espalhava, atingindo até a Ásia, Grécia, Acaia e outras regiões. Onde quer que fosse morar um cristão era pregado o evangelho, ganhava pessoas para Cristo e a Igreja crescia e se multiplicava.

Em toda a bíblia não encontramos nenhum indício de construção de templos ou salões para as reuniões da igreja. Ela se reunia basicamente nas casas dos irmãos e em locais públicos.

[Atos 20:20] “…como não me esquivei de vos anunciar coisa alguma que útil seja, ensinando-vos publicamente e de casa em casa.”

[Romanos 16:3-5;14-15] “Saudai a Prisca e a Áqüila, meus cooperadores em Cristo Jesus, os quais pela minha vida expuseram as suas cabeças; o que não só eu lhes agradeço, mas também todas as igrejas dos gentios. Saudai também a igreja que está na casa deles. Saudai a Epêneto, meu amado, que é as primícias da Ásia para Cristo”. “Saudai a Asíncrito, a Flegonte, a Hermes, a Pátrobas, a Hermes, e aos irmãos que estão com eles. Saudai a Filólogo e a Júlia, a Nereu e a sua irmã, e a Olimpas, e a todos os santos que com eles estão.”

[I Coríntios 16:15-19] “Agora vos rogo, irmãos – pois sabeis que a família de Estéfanas é as primícias da Acaía, e que se tem dedicado ao ministério dos santos – que também vos sujeiteis aos tais, e a todo aquele que auxilia na obra e trabalha. Regozijo-me com a vinda de Estéfanas, de Fortunato e de Acaico; porque estes supriram o que da vossa parte me faltava. Porque recrearam o meu espírito assim como o vosso. Reconhecei, pois, aos tais. As igrejas da Ásia vos saúdam. Saúdam-vos afetuosamente no Senhor Aqüila e Prisca, com a igreja que está em sua casa”.

[Colossenses 4:15] “Saudai aos irmãos que estão em Laodicéia, e a Ninfas e a igreja que está em sua casa.”

Foi o Espírito Santo quem conduziu a Igreja para as casa, pois quando se iniciaram a perseguição a Igreja se espalhou por toda a região e quanto mais era perseguida, mais se espalhava, atingindo até a Ásia, Grécia, Acaia e outras regiões. Onde quer que fosse morar um cristão era pregado o evangelho, ganhava pessoas para Cristo e a Igreja crescia. Se eles estivessem apegados a um lugar, a um templo , talvez a história da igreja terminasse aí.

Em toda a bíblia não encontramos nenhum indício de construção de templos ou salões para as reuniões da igreja formada pelos discípulos de Jesus. Ela se reunia basicamente nas casas dos irmãos e em locais públicos.

Esse é o modelo e estratégia de crescimento que adotamos como igreja!

 

VEJA ONDE ESTAMOS

 

Vem Crescer com a gente!